24
ago
Vlog | Um dia de blogueira – Os bastidores de uma gravação

Como eu sei que vocês gostam muito de vlogs, hoje vou mostrar como eu gravo meus vídeos aqui pro blog. Nesse dia foi até mais fácil pois eu já estava com o “cabelo bom”, kkk. Quando tenho que arrumar o cabelo demora mais. Mas acredito que pelo vídeo dá pra vocês terem uma boa noção de como demora, das várias etapas, do processo mais “técnico”… Enfim, acho que vocês vão gostar bastante!

Assistam em HD!

Clique aqui e inscreva-se para ver e receber meus vídeos no YouTube

Gostaram de saber um pouco mais sobre a minha rotina de blogueira? Quais tipos de vlogs vocês gostariam de ver por aqui?

Beijos e bom final de semana! :D



18
set
Quero ser Blogueira! | Dicas de fotografia, iluminação e vídeo

Acho que o especial “Quero ser blogueira!” está chegando ao fim. :( Não vejo mais assuntos pra abordar, pelo menos neste momento. A única coisa que restou foi este post onde vou dar dicas de fotografia, iluminação e vídeo.

Por isso, quero saber de vocês: Há algum tema que vocês tenham percebido que eu ainda não abordei? Há alguma dúvida da parte de vocês ou algo que queiram saber? Se sim, deixem nos comentários as idéias que se eu achar algo relevante, posso transformar em mais posts da série pra vocês.

Um tema que já sei que vai bombar nos comentários é sobre como conseguir parcerias, então já vou falar já sobre isso. Desde o começo deste especial, venho batendo na mesma tecla de que blogar profissionamente é plantio e colheita. Com parcerias é a mesma coisa. Você pode sim entrar em contato com as empresas/assessorias e apresentar o seu blog e o seu MK, mas pedir parceria é feio e amador! Quando nos acham aptas para divulgar um determinado produto ou comprar um espaço publicitário em nossos blogs, eles mesmos entram em contato. E lembrem-se: Isso vai vir depois de alguns anos e não de repente. Me escutem, pois quando eu comecei não tinha ninguém pra me explicar essas coisas e eu fiz muita coisa errada. Hahaha.

Hoje vim compartilhar algumas dicas com vocês sobre como tirar boas fotos e gravar bons vídeos, ajustar a iluminação para obter um melhor resultado, etc.

FOTOGRAFIA

Eu não tenho uma regra fixa para tirar minhas fotos, cada dia tiro em um lugar, ás vezes de noite, ás vezes de dia, ás vezes com flash, ás vezes sem flash… Independente de qualquer coisa, saibam que uma câmera semi ou profissional, faz 50% do trabalho! Com uma câmera bem basiquinha por exemplo, eu não conseguiria tirar excelentes fotos a noite.

Porém, tenho algumas manias que me ajudam. Uma delas, é fotografar o produto em questão em cima de uma superfície mais escura ou mais clara (Dependendo da cor do produto a ser fotografado). Esse fundo, faz com que o produto fique em destaque e deixa a foto mais nítida.

Dependendo do tamanho do produto, você terá que ajustar o tamanho da folha. Nessa, como era apenas um blush, eu usei uma sulfite mesmo. Mas para diversos produtos ou produtos grandes, pode ser que você precise de cartolina ou ás vezes algo até maior!

Você pode usar a folha deitada ou fazer uma imitação de fundo infinito. Geralmente uso o fundo infinito para fotografar produtos em pé.

Cada foto vai depender muito do produto a ser fotografado, da luz disponível que você tem e da sua câmera. Quanto mais profissional a câmera, mais recursos para deixar sua foto melhor. Por exemplo, na Sony Nex 3, que é a câmera que eu uso tanto para fotos quanto para vídeos, é possível regular a quantidade de luz, a potência do flash, ajustar a cor, etc. (Estou falando de maneira bem leiga pra vocês entenderem!). Já se minha câmera fosse básica e com poucas funções, eu optaria por fazer fotos de dia somente, onde temos maior iluminação natural e a qualidade da foto fica melhor.

Quando não uso um fundo chapado, ou seja, monto um “cenário” pra foto, deixo o objeto a ser fotografado mais pra frente dos demais itens do fundo. Ou então, uso o foco manual da câmera, mas isso só com uma câmera com mais recursos.

Depois de fazer a foto, muitas vezes ela precisará de um retoquezinho: Ou aumentar um pouco o brilho, ou o contraste, regular a cor em um programa de edição, etc. Atualmente eu uso o Photoshop e ele é o melhor pra isso! Mas durante muito tempo usei o Picasa e quebrou um galho danado!

ILUMINAÇÃO

Tanto para fotos quanto para vídeos, quanto mais luz natural, melhor. Não adianta, a luz do dia ainda é a melhor pedida. Isso porque você não vai precisar acionar recursos demais da câmera, o que muitas vezes, diminui a qualidade da foto. Mas, como nem sempre ou na maioria das vezes a luz natural não é suficiente, a mistura de luzes que dá mais resultado é a luz branca junto com a luz amarela. Nem só uma, nem só a outra, mas as duas juntas. O ideal é que tanto nos produtos, quanto em nós (Quando é vídeo), tenha uma luz em cada lado, pois se houver luz somente de um lado, o outro ficará com sombra. Caso você não tenha como colocar luz dos dois lados (Como eu), use as luzes de frente pra você, assim ambos os lados ficarão iguais.

VÍDEO

Eu acho que os fundos chapados soam mais profissionais. Mas confesso que gosto quando os fundos são “caseiros” pois soa mais intimidade com a pessoa. No espaço que eu tenho para gravar, não estava rolando porque minha câmera desfocava meu rosto e focava em outro lugar. Como meu visor não vira pra frente, eu só percebia depois que passava o vídeo pro computador, então tive que improvisar este fundo que foi feito em gráfica e tem 1,20m tanto de altura quanto de largura. Mas assim que eu tiver um espaço maior e mais apropriado, volto a mostrar o fundo. Acho mais legal! Mas isso tanto faz, fica a seu critério. DICA: Não faça com lona brilhante como eu, faça com lona fosca senão a luz fica refletindo. Quando eu fui fazer estava com pressa e não tinha a lona fosca disponível, então fiz nessa mesmo.

Depois de gravar o seu vídeo, é hora de editar. Durante muito tempo eu usei o Movie Maker, que é o que a grande maioria tem. Hoje em dia uso o iMovie, um programa exclusivo da Apple, que vem nos computadores da marca. Sei que muitas vão pedir tutorial de como editar vídeo, mas isso não é o foco do blog, só vou pincelar o assunto. Mas na Internet vocês encontram diversos tutoriais de como usar estes programas e outros mais, foi assim que eu aprendi.

Ainda em vídeo, se sua câmera gravar em HD, melhor! A qualidade é outra.

Vale deixar claro que tudo o que eu escrevi aqui são minhas opiniões baseadas nas minhas experiências, nas formas que pra mim deram mais certo e de uma forma muito leiga e até ignorante de explicar. Ainda não fiz nenhum curso de fotografia profissional, então, caso algum profissional observe algo errado e puder me corrigir para nos ensinar o certo, fique a vontade! :D

Gostaram das dicas meninas?

Não deixem de escrever caso tenham alguma sugestão interessante.



19
ago
Quero ser blogueira! | Como fazer um Mídia Kit?

Media Kit, Mídia Kit, como você preferir! As duas formas estão corretas e são usadas. A única diferença é que o media é em inglês e o mídia em português.

Hoje chegou o dia de aprender a fazer o seu, uma ferramenta de extrema importância para você que quer trabalhar profissionalmente com blog. Resolvi falar sobre este tema também, pois um dia eu tive dúvidas e não tive ninguém que pudesse me ajudar. Não desejo que pessoas que realmente querem levar essa profissão a sério passem pelo mesmo “perrengue“.

Quando se fala em MK, surgem muitas dúvidas. Eu demorei muito tempo até ter o meu, por dois motivos: Um por não entender a importância dele e outro por não saber como fazer. Mas na verdade, é muito simples gente, muito mesmo e hoje tenho certeza que vocês vão sair daqui experts no assunto.

O MK nada mais é do que o “currículo” do seu blog, é como um cartão de visitas! Nele você vai mostrar as pessoas e empresas o que você e o seu site/blog tem a oferecer. Vai falar sobre você, sobre seus acessos, sobre seus valores (Se quiser…). Vamos entender isso um pouco melhor?

ONDE FAZER?

Pode ser em Word, em PDF, em uma página estática dentro do seu próprio blog… Use sua criatividade! O meu eu fiz como imagem mesmo, no Photoshop e salvei o arquivo em psd. Assim, sempre que eu precisar atualizar algo fica super fácil. Eu já tive um MK em PDF antes também.

QUANDO FAZER?

O mais rápido possível. E também em um dia onde você possa fazer com calma. Eu demorei mais de meio período pra fazer o meu, é algo realmente trabalhoso mas muito satisfatório.

COMO COMEÇAR?

Apresente-se. Fale sobre você, o que você faz, de onde é, o que pretende, seus gostos…

FALANDO SOBRE O BLOG

Conte como seu blog começou, sobre o que ele é, os temas que ele aborda, quantas vezes você posta por dia, como se relaciona com os seus leitores, quais são suas expectativas… Vocês se lembram quando fazíamos aquelas redações na escola com o tema: “Quem sou eu?”, faça o mesmo como se fosse “Quem é o seu blog“.

+ DICAS…

  • Seja você. Não tente usar um vocabulário que não faz parte da sua personalidade e nem tente passar algo que você não é.

 

  • Jamais copie o Mídia Kit de alguém. Isso além de ser muito, mas muito feio, vai pegar muito mal pra você. Se você copiar de um blog conhecido e enviar para alguma empresa, essa empresa com certeza já conhece o tal blog e vai sacar na hora que você copiou. Fazer isso é assinar seu fim como blogueira.

 

  • Não fale demais, nem de menos, fale o suficiente. Poucas palavras não vão conseguir expressar tudo o que você precisa passar e textos e mais textos vão deixar as pessoas cansadas de ler.

 

  • Coloque seus acessos. (E nada de forjar! Tem como descobrir isso por alguns meios!) Embora eles não sejam o item mais importante (Seu comprometimento e engajamento são infinitamente mais), é muito importante você mostrar o desempenho e o crescimento do seu blog com o passar do tempo. Para saber os seus acessos, você pode instalar o Google Analytics, uma excelente ferramenta para isso. (Antes que me perguntem, eu não sei instalar. Minha programadora que instalou pra mim)

 

  • Você pode ou não falar sobre valores. Eu não falo no Mídia Kit porque eu passo um orçamento de acordo com o perfil da empresa. Por ex: Eu não vou e nem posso cobrar o mesmo valor para uma marca conhecidíssima nacional e uma lojinha da amiga que está começando agora.

 

  • Faça uma pesquisa com seus leitores, é muito importante conhecê-los para saber quais decisões tomar acerca do blog.

 

Vocês podem ver o meu Mídia Kit na aba “Anuncie” para entender um pouco melhor tudo isso na prática. Mas saibam que se alguém copiar, eu vou ficar sabendo, como já aconteceu e isso só fica ruim pra própria pessoa e não pra mim.

Gostaram das dicas? Se ainda houver alguma dúvida sobre este tema, é só deixar nos comentários!

Para ver todos os posts deste especial, clique aqui.



23
jul
Quero ser blogueira! | Como divulgar o seu Blog?

Boa noite, boa noite, boa noite!!!

No post de hoje vamos falar sobre um assunto mega perguntado por vocês: Como divulgar o seu blog? Como fazer com que ele fique conhecido? Como se destacar entre tantos outros?

A primeira coisa a se dizer e a mais importante é: O seu sucesso só depende de você, do seu talento e do seu esforço. Nada cai do céu e esperar que seu blog seja famoso do dia pra noite, sem se empenhar para que isso aconteça, não rola. E isso vale pra tudo na vida!

Um outro fator super relevante é ter paciência. Exemplo disso sou eu, estou nesse meio há 3 anos e só do último ano pra cá venho colhendo tudo o que plantei. Como qualquer carreira, é necessário um tempo até você ser reconhecido por aquilo.

Mas saindo dessas duas lições e indo para a parte mais prática do assunto, existem algumas maneiras sim de divulgar o seu blog.

  • DIVULGUE PARA OS SEUS FAMILIARES E AMIGOS PRÓXIMOS

Essa foi a primeira coisa que eu fiz! Nada mais gostoso do que o seu blog começar a ser visto por pessoas que realmente se importam com você. Essas pessoas podem te dar toques, dicas e vão te dizer o que está bom e o que não está. Depois disso, as coisas começam a fluir naturalmente. De boca em boca, rapidinho diversas pessoas acessarão o seu blog. Foi assim que eu comecei! E como na época eu morava em uma cidade pequena, onde todo mundo conhece todo mundo, vocês imaginam a explosão que foi né?

  • CONVIDE AS PESSOAS PARA CONHECÊ-LO

É fato: Se você não passar o seu link para alguém, essa pessoa jamais vai adivinhar que o seu blog existe. Mas entenda: Convidar alguém é DIFERENTE de encher o saco das pessoas toda hora falando: “Oi, me segue?”, “Oi, visita meu blog?”. Isso é muito chato, muito queima filme e ninguém vai querer te conhecer, pode acreditar! Isso é spam, é floodar, é horrível. Se você quer ter um bom blog, jamais faça isso! Rs. “Mas Rebeca, como então eu vou convidar as pessoas? oO” Quando eu comecei, ainda somente no YT, eu fazia assim: Entrava nos Canais de outras pessoas e quem comentava nos vídeos dessas pessoas, eu entrava no perfil da pessoa e mandava um textinho pra ela, me apresentando, falando sobre o que o blog tratava e que eu gostaria de convidá-la caso ela quisesse, para conhecê-lo! Sem apelação e sem forçar a barra, entendem? Assim, o blog continuou crescendo.

  • PROMOVA SORTEIOS E/OU CONCURSOS

Há quem diga que sorteios e concursos trazem números falsos, afinal muitas pessoas irão te acessar somente para participar da sua promoção e depois nem voltarão mais. Concordo em partes. Isso pode ser verdade, MAS, se você tiver um bom conteúdo e chamar a atenção dessa pessoa, com certeza ela continuará ali. Quantos e quantos comentários eu já recebi dizendo: “Nossa, conheci seu blog por causa do seu sorteio e como eu gostaria de tê-lo conhecido antes! Virei leitora assídua!”… Já até perdi as contas! Então, além de fazer com que o seu blog seja conhecido de alguma forma, você tem a chance de nessa hora mostrar o seu potencial ao mundo e ainda vai agradar as novas pessoas que estão chegando. Só não se esqueça de não exagerar na hora das regras, senão fica cansativo, chato e as pessoas ficam com preguiça de participar. E também não seja a alocka do sorteio, que faz 500 por mês. O equilíbrio é bom em tudo!

  • CONTATOS

E por último, os contatos são uma consequência de todas as outras etapas. Não adianta, quem tem contatos, tem tudo. Aos poucos, você irá conhecendo pessoas do meio. Essas pessoas te apresentarão a outras pessoas, que por sua vez, irão te indicar para outros e assim por diante. Mas lembre-se: Isso é algo que naturalmente irá acontecendo. Não precisa se desesperar e sair bancando a interesseira por aí. Tudo tem a hora certa e deve ser feito com naturalidade.

A partir dessas dicas, tudo vai começar a acontecer. De boca em boca o seu blog irá crescendo e as portas se abrindo. A pior parte é o começo, depois você não precisará fazer mais nada.

Para ver os outros posts deste especial, clique aqui.

Um beijo e até a próxima!



10
jul
Quero ser blogueira! – Começando um blog

Mais um Post deste especial que vocês tanto gostaram!

Hoje, vou dar algumas dicas básicas para você finalmente criar o seu blog. Depois de cuidar da parte mais técnica do assunto (Plataforma, hospedagem, domínio, design etc), começa a parte mais gostosa: Exercitar a criatividade para o seu blog ter a sua carinha.

  • Sobre o que será o seu blog?

Vai ser um blog de humor? De assuntos femininos? De fotografia? De culinária? De tudo um pouco? Um blog mais pessoal? Para escolher sobre o que ele será, dê prioridade para assuntos que você domine, ou que se não dominar, pelo menos entenda bastante. Quando falamos com propriedade sobre um determinado assunto, a chance de dar certo é muito maior. Além disso, um blog que possui um foco e não tenta atirar para todos os lados, também faz muito mais sucesso.

  • Escolha um nome legal pra ele.

Não precisa ter pressa e nem pegar o primeiro nome que vier a cabeça. É muito importante que seja um nome original, único, que te represente muito bem e que grude na cabeça das pessoas. Na dúvida, use seu próprio nome. Se você tiver um sobrenome diferente, melhor ainda: Fica com mais peso, mais forte. Dica: Pegue uma folha e coloque nela tudo o que vier na sua cabeça (Que você goste): Cores, ideias, palavras, combinações… Muitas ideias boas surgem de um brainstorm.

  • Trabalhe em conjunto com o designer gráfico/web designer que você contratou.

Um bom profissional é a pessoa mais apta para deixar o seu blog com o melhor visual possível. Mas sem um acompanhamento e uma boa conversa, isso não acontece. Ou seja: “Ai faz pra mim que confio no seu bom gosto e profissionalismo!” Isso é furada! É lógico que ficar alterando o que um profissional fez não é o correto, afinal, ele estudou para aquilo, sabe o que está fazendo e o porque de cada coisa. MAS, uma boa conversa antes de começar o projeto, é fundamental. Nessa conversa, ele vai te conhecer, ver o que faz parte da sua personalidade, o que não faz, o que você gosta, o que você não gosta… Para juntar “você” e o conhecimento dele, resultando em = sucesso.

  • Estude sobre o tema do seu Blog.

Por mais que você entenda do assunto que vai tratar, se você entende é porque adquiriu certo conhecimento sobre o assunto ao longo do tempo, certo? Estudar é algo que nunca devemos parar de fazer, seja de que área você for. Leia revistas, compre livros, faça faculdade relacionada, faça cursos temporários, participe de eventos, de workshops… Agregue conhecimento. Isso com certeza vai refletir em seus Posts e vai transmitir maior confiança para os seus leitores. No momento, eu estudo Publicidade e Propaganda, que tem relação direta com o intuito do meu blog, que é trabalhar profissionalmente. Em outros momentos, me intero muito sobre o assunto na própria Internet, sempre compro livros relacionados, leio diversas revistas segmentadas, procuro me interar do meio que eu escrevo o tempo todo. E pensa que depois da faculdade de PP vou parar? Ainda quero fazer estética, moda e um profissional de maquiagem. Além disso, cursos sobre como falar em público, como escrever para a Internet, etc, são muito válidos. Qualquer coisa que seja relacionada direta ou indiretamente ao seu blog, com certeza valerá muito a pena e te fará se destacar dentre os demais.

  • Estude e entenda a nossa gramática.

Errar é comum, a maioria das pessoas não são doutores na língua portuguesa. Mas vejo em muitos blogs erros grotescos e primários de gramática e isso pega muito mal. Quer dizer, ninguém vai te dar crédito e levar a sério se você usar de maneira incorreta o uso de “mau” e “mal”, “mas” e “mais”, sabe? Coisinhas básicas que não precisa ser professor de português pra saber? Na dúvida, consulte o Google, nada melhor e mais prático do que isso! E se mesmo assim algo passar, como com certeza vai acontecer, quando você mesma perceber ou te avisarem, corrija e boa. A vida continua, ninguém é perfeito e o próximo a errar pode ser você.

  • Use a linguagem adequada para o seu público alvo.

Pra quem você quer escrever? Quais pessoas você quer atingir? Adolescentes? Jovens? Adultos? É muito importante definir que tipo de pessoas você quer atrair para o seu Blog. E a linguagem que você vai usar é extremamente essencial para cativar o seu público alvo. Ou seja, se você quer atingir adolescentes, muito provavelmente linguagens de Internet, gírias e abreviações cairão muito bem com esse tipo de público. Já para jovens, um meio termo sobre isso. Para adultos, uma linguagem mais séria, mais direta. Naum adxianta kerer atrair a galerê di 30 anos ixcrevendu axim, ngm vai qrer ti ler!

  • Qualidade nas fotos e nos vídeos é 50% do caminho andado.

Quem quer trabalhar com blog, tem que ter algumas coisas que são fundamentais para desempenhar um bom trabalho. Um desses itens, é uma boa câmera. Eu sei que nem todo mundo tem dinheiro pra investir nisso de cara, mas se você não tiver, não é a hora de começar. Não faça errado como eu, me escute! Rs… Junte sua graninha e quando você conseguir comprar, aí sim comece. Quando alguém entra no seu Blog, a primeira impressão é a que fica, não adianta. Se suas fotos forem ruins, se nos seus vídeos não der pra ver a sua maquiagem ou a cor que você usou, ou o som estiver zuado, quem entrar, não vai voltar. Não porque essa pessoa é chata mas é porque isso não prende a atenção. Ninguém quer ver coisa mal feita, certo? Agora se você já começa com qualidade legal de som e imagem e uma pessoa nova entra, com certeza ela vai pensar: “Nossa, esse blog nem é tão famoso ainda e já se preocupa com isso? Imagina quando for como vai ser a qualidade dele!”. É o que eu penso sempre que entro em um blog pequenininho e bem feito. É mais ou menos como ser dentista e não ter uma cadeira apropriada no consultório sabe? Ou ser um médico e não ter um aparelho de medir pressão? Você pode até começar errado (Como eu fiz), mas por experiência própria te digo que será mais difícil depois provar o seu talento e capacidade para as pessoas. O tempo para conseguir o seu espaço vai ser muito maior. E isso não vale só pras fotos não, mas pra começar qualquer coisa errada, desde layout, gramática, etc.

Bom, acho que por hoje é isso! Espero que tenha esclarecido algumas dúvidas de vocês, e se tiverem alguma pergunta sobre este post em específico, é só deixar nos comentários. Perguntas diferentes do tema de hoje, aguardem pois pode ser que eu ainda fale sobre isso. E para ver os outros posts deste especial, basta clicar aqui.

Beijos!